Coluna do ProfessorColunas

Rick Jones, a grande ausência do UCM

Bem-vindos de volta, ilustres fãs de quadrinhos. Hoje vamos falar de um personagem importante das HQs da Marvel que ainda não apareceu em nenhum filme: Rick Jones. Confira sua história nesse artigo.

Origem:

Primeira aparição de Rick Jones.

Richard Milhouse Jones (Rick Jones) foi criado por Stan Lee e Jack Kirby. Estreou na revista The Incredible Hulk 1 de 1962.

A rebeldia do jovem Rick Jones fez com que fosse expulso de diversos orfanatos.

Certo dia, estava reunido com seus amigos e acabou topando a aposta de invadir uma base militar no Novo México com seu carro.

O jovem não sabia, ilustre fã, que no local seria testada uma bomba atômica de raios gama.

A contagem regressiva não poderia ser abortada. Por isso, o Dr. Bruce Banner, cientista responsável pela criação da bomba, correu na direção do jovem e o atirou em uma trincheira profunda, fazendo com que ficasse ileso.

Banner não teve a mesma sorte. Foi atingido em cheio pela radiação gama e, mais tarde, se transformou no Incrível Hulk.

Hulk e Rick Jones no traço de Steve Ditko

Sentindo-se culpado pelo ocorrido, Rick Jones tornou-se seu parceiro e guardou por anos o terrível segredo: o Dr. Banner e o Incrível Hulk eram a mesma pessoa.

Como você pôde ver, a origem do Hulk nos filmes e nos quadrinhos é diferente.

O nome Rick Jones apareceu em uns documentos mostrados no início do filme O Incrível Hulk, de 2008. O personagem faria sua estreia nesse filme. Contudo, o ator Edward Norton (Bruce Banner/Hulk) mexeu no seu roteiro e o personagem foi retirado da produção.

Vingadores:

Primeiro encontro de Rick Jones com os Vingadores.

Na revista The Avengers 1(1963), ficamos sabendo que Rick Jones havia reunido uma equipe de rádio amadores (a internet da época), conhecida como A Brigada Juvenil. O objetivo desse grupo era transmitir missões e monitorar as ações do Hulk.

Através dessa rede, Rick ficou sabendo que o Gigante Esmeralda havia destruído uma linha férrea. Temendo que o Hulk tivesse se tornado uma criatura má, entrou em contato com o Quarteto Fantástico pedindo ajuda, mas a equipe estava ocupada em outra missão

Para a sua surpresa, o Homem de Ferro, Thor, Homem-Formiga e a Vespa atenderam ao chamado e se reuniram na sede da Brigada Juvenil.

No decorrer da história, ficamos sabendo que o Hulk atacou a linha férrea devido a uma ilusão de Loki, o Deus da Mentira, meio-irmão de Thor. O Hulk era inocente.

No final da aventura, os heróis decidem formar um grupo e se tornam os Vingadores.

De modo indireto, Rick Jones foi o responsável pela criação da equipe que reunia os heróis mais poderosos da terra.

Vale ressaltar que os Vingadores foram criados por Stan Lee e Jack Kirby.

Bucky:

Capitão América e Rick Jones no traço de Jim Steranko.

Devido a sua natureza selvagem, o Hulk ficou pouco tempo na equipe. Rick Jones permaneceu nos Vingadores e se tornou um membro honorário.

Fazia pouco tempo que os Vingadores tinham encontrado o corpo do Capitão América congelado em um bloco de gelo e fizeram com que voltasse a vida. Ele tinha dificuldades em se acostumar com o mundo atual.

Seu antigo parceiro, Bucky Barnes (atual Soldado Invernal), havia sido dado como morto na Segunda Guerra Mundial.

Devido a longa insistência de Rick Jones, o Capitão América o aceitou como Bucky, mesmo temendo que o jovem se ferisse. A parceria durou pouco tempo.

Capitão Marvel:

Rick Jones e Capitão Marvel no traço de Rick Jones.

Guiado pela Inteligência Suprema, a inteligência artificial que governa a raça alienígena Kree, Rick Jones encontrou os nano braceletes. Ao uni-los, o jovem permitia que Mar-Vell (o Capitão Marvel da Marvel) saísse da Zona Negativa e atuasse em nossa realidade.

O Capitão Marvel era um guerreiro da raça alienígena Kree. Dentre outros poderes, podia voar e possuía a Consciência Cósmica, um poder que lhe permitia ter pleno conhecimento sobre os fatos que estavam ocorrendo em todo o universo.

Viagem de ácido de Rick Jones embaralha a cabeça do Capitão Marvel.

Através de um portal construído pelo Quarteto Fantástico que dava acesso à Zona Negativa, os dois personagens puderam coexistir na nossa realidade.

Mesmo assim, os dois personagens continuaram sendo parceiros.

Guerra Krees Vs. Skrulls:

Guerra Kree-Skrull no traço de John Buscema e Tom Palmer.

Os Krees e os Skrulls são duas raças alienígenas rivais do Universo Marvel que há muito vinham guerreando.

A Inteligência Suprema fez com que Rick Jones despertasse a Força do Destino e ele foi dotado de muitos poderes. Graças a esse dom, conseguiu paralisar os exércitos rivais. Desse modo, a guerra terminou

Tamanha força, contudo, deixou Rick Jones à beira da morte e ele teve de se unir ao Capitão Marvel novamente.

Mais tarde, os dois conseguiram se separar. Entretanto, o Capitão Marvel morreu devido a um câncer. Rick Jones e outros heróis estavam no seu leito de morte.

Câncer:

O momento que Rick descobre que está com câncer.

Na esperança de se tornar um herói, Rick Jones se expôs a radiação gama em um experimento e acabou adquirindo câncer.

Enquanto esteve doente, se reuniu ao Cavaleiro Espacial Rom em sua guerra contra os alienígenas conhecidos como Espectros.

Anos mais tarde, a entidade alienígena de poder supremo Beyonder, responsável pelo evento conhecido como Guerras Secretas, usou seu poder para curar Rick Jones.

Hulk:

Hulk Jones notraço de Todd McFarlane.

Em um experimento, o corpo de Bruce Banner havia se separado do corpo do Hulk. Com o tempo, os dois ficaram instáveis e foram reunidos em um banho químico.

O General Ross, grande perseguidor do Hulk, jogou Rick Jones no reservatório de ingredientes químicos. Desse modo, Rick Jones se tornou o Hulk Verde enquanto Banner passou a ser o Hulk Cinza.

Essa fase do personagem durou pouco. Um dos principais vilões do Hulk, o Líder, na época estava sem poderes. Em um experimento, conseguiu absorver a radiação gama de Rick Jones e voltar à ativa.

Rick Jones voltara a ser um homem normal.

Fama:

Rick Jones, o Música.

Rick Jones lançou uma biografia em que falava das suas parcerias com heróis e ficou rico e famoso. Tornou-se também um músico de sucesso. Na mesma época, tornou-se segurança de Bruce Banner e casou com Marlo Chandler.

Paraplégico:

Hulk transformado em Cavaleiro do Apocalipse.

Em um período em que Hulk foi transformado no Cavaleiro Guerra do mutante inimigo Apocalipse, Rick Jones foi golpeado por ele e ficou paraplégico.

Vingadores Eternamente:

O Velho Rick Jones do Futuro que deu errado.

Durante um confronto envolvendo os vilões Kang e Immortus, a Força do Destino manifestou-se novamente em Rick Jones. Através dela, o personagem conseguiu reunir os Vingadores de diferentes épocas. Além disso, o jovem usou essa dádiva para se curar

Esse evento ficou conhecido como Guerra do Destino.

Gennis-Vell:

Após a morte de seu pai, Mar-Vell, seu filho, Gennis-Vell assumiu o manto do Capitão Marvel e atuou na Guerra do Destino.

Mais tarde, começou a revezar seu período em nossa realidade com Rick Jones. A diferença era que, naquela época, eles eram enviados para o Microcosmo.

Anos depois, os dois passaram a coexistir na mesma realidade.

Excelsior:

Rick Jones criou o grupo Excelsior. O objetivo dessa entidade era dar suporte aos jovens heróis que haviam se aposentado.

Bomba A:

Um grupo de vilões conhecido como A Inteligência bombardeou Rick Jones com raios gama. Ele se tonou um monstro azul parecido com o Abominável e recebeu o nome de Bomba A.

A princípio, ele foi controlado pelos vilões, mas logo se tornou responsável pelos seus atos e se tornou um herói.

Naquele período, contudo, o Hulk, na sua personalidade de Dr. Verde, começou a curar todas as criaturas que haviam sido bombardeadas com raios gama e Rick Jones voltou ao normal.

Contudo, ilustre fã, no processo, ele desenvolveu uma grande inteligência e passou a atuar como um hacker. Fez parceria principalmente com Sam Wilson (antigo Falcão), quando o herói atuava como Capitão América.

Morte:

No arco Império Secreto, o Capitão América (Steve Rogers) revelou que sempre havia sido membro da organização criminosa Hydra. Na verdade, nosso herói estava sob influência do cubo cósmico.

Infelizmente, ele acabou matando seu antigo parceiro, Rick Jones, enquanto este gritava “Avante, Vingadores!”

Ressurreição:

Nas histórias em quadrinhos de heróis, raramente a morte de algum personagem dura para sempre. Quando se trata dos que foram expostos a radiação gama então, a ressurreição sempre é uma certeza.

Atualmente, Rick Jones voltou dos mortos. Entretanto, ele se encontra sob o domínio do Líder.

Em Outras Mídias:

Apesar da sua ausência dos filmes da Marvel, Rick Jones já participou de vários games e animações da Casa das Ideias.

Recentemente, a Marvel anunciou que o personagem ganhará uma série de tevê. Vamos torcer.

Espero que tenham gostado desse artigo, ilustres fãs de quadrinhos. Qualquer dúvida, sugestão, crítica, elogio, deixe nos comentários.

Até breve!

André Costa

André Costa, 44 anos. Professor de Inglês em escola regular, escritor, tradutor. Apreciador da Cultura Nerd em geral, principalmente de quadrinhos de Super-Heróis. Autor do livro Cavaleiro das Trevas: Uma Leitura Sócio-Cultural e Ideológica do Batman. Tá sabendo da novidade? Somos parceiros da Amazon. Vai comprar na Amazon? Utilize o código: canalmetali06-20! e dê uma força para o canal.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo