No Século Passado

O dia em que a Liga da Justiça abriu um Cassino

Esta história foi publicada no século passado, então, sim, tem spoiler

A Liga da Justiça é um dos grupos de super-heróis mais famosos e respeitados da história dos quadrinhos; em suas fileiras já contou com ícones como Mulher Maravilha, Superman, Batman, Hal Jordan, Flash, entre outros pesos pesados, e suas missões geralmente envolviam salvar o planeta ou até mesmo o universo de vilões como Starro ou Darkseid.

Sim, tudo isso lá é verdade, mas não para a Liga da Justiça de Keith Giffen e J.M. DeMatteis, uma Sitcom de super-heróis que marcou uma geração com seu humor único e suas situações absurdas.

E em janeiro de 1990, uma de suas histórias testou os limites do bom senso, nos rendendo um dos momentos mais surreais das HQs.

A dupla responsável pelo feito não podia ser outra.

Besouro Azul e Gladiador Dourado, parceiros na Liga e nos negócios.

Quando a DC Comics, com a notável exceção do Batman, vetou a presença dos figurões na Liga da Justiça de Giffen e DeMatteis, restou aos dois trabalharem com o material que tinham em mãos, o que incluía dois personagens do “time B” dos super-heróis, Besouro Azul e Gladiador Dourado.

O que ninguém sabia é que essa dupla não tão heroica assim, acabaria sendo responsável por algumas das situações mais cômicas da Liga, e, se eu tivesse que escolher uma entre tantas, o dia em que eles decidiram construir um cassino e resort na remota e pequena ilha de Cueicueicuei, seria minha aposta.

Besouro Azul, o Cebolinha da Liga da Justiça Internacional

Nós nunca paramos muito para pensar a respeito, mas, aparentemente, o salário pago pela Justiça Internacional não era lá dos melhores, já que seus membros estavam constantemente procurando maneiras de elevar seus ganhos.

Em dezembro de 89, na história “Babacas, Otários & Poozers”, o Besouro tem mais um de seus planos infalíveis para ficar rico, e, como sempre, arrastou o Gladiador Dourado junto, mais ou menos como o Cebolinha da Turma da Mônica fazia com o Cascão em seus planos para roubar o coelhinho da dentuça.

Por se localizar em uma posição estratégica, o Reino Insular de Cueicueicuei (o nome é fantástico, eu sei) se viu no meio de uma disputa entre Estados Unidos e União Soviética, e, para garantir sua soberania e seu estilo de vida, pediu para fazer parte das nações protegidas pela Liga da Justiça Internacional.

O Besouro enxergou, no entanto, um potencial extra para a ilha, imaginando uma mistura de cassino e resort em suas terras, utilizando o não tão bom nome da Liga para atrair o público que gastaria todo o seu rico dinheirinho nas mesas de Blackjack.

Sem dinheiro? Não tem problema, é só pegar um pouco emprestado com Maxwell Lord.

Ok, mas se o Besouro e o Gladiador estavam falidos, como conseguiram a grana para construir um cassino, já que obviamente não é algo barato de se fazer?

Bom, para a construção em si, eles conseguiram a ajuda de Kilowog, ex lanterna verde casca grossa que acabara de ser contratado para um bico de faz tudo na própria Liga da Justiça. O alienígena, sabe-se lá Deus como, conseguiu erguer o Cassino em apenas três dias.

Já para o material utilizado na construção, contratação de empregados e compra de suprimentos, a solução “pegar o dinheiro emprestado” da Liga da Justiça Internacional, o que fez com que Maxwell Lord quase infartasse!

Não dá para culpar Lord, a dupla, sem pedir permissão, utilizou o nome da Liga no cassino e ainda por cima zeraram a conta do grupo para poder levar o plano estapafúrdio adiante.

Na cabeça do Besouro, com os lucros entrando rápido, seria possível devolver a grana antes que o patrão percebesse, o que não foi o caso, aliás, a coisa toda saiu do controle rapidinho.

O Major Desastre quebra a banca!

Não são apenas os heróis que tem problemas financeiros, vilões vivem com as contas no vermelho….bom, não os de primeira linha como Luthor ou Sinestro, e você certamente não verá Darkseid tendo o seu cartão de crédito recusado, mas gente como o Major Desastre, líder da infame Liga da Injustiça, vivem contando os centavos.

Para a sorte do Major, Graúdo, seu companheiro de equipe, forte como um touro, mas um tanto quanto limitado intelectualmente, inesperadamente se mostrou um gênio com as cartas de baralho.

Sabendo da criação do Cassino da Liga, o Major decidiu unir o útil ao agradável, ganhar uma grana, quebrar o Cassino e se vingar da Liga da Justiça, que tantas vezes o derrotou.

Foi exatamente o que fizeram, utilizando as habilidades de Graúdo, quebraram a banca em uma mesa de Blackjack e faliram o Cassino, deixando o Besouro e o Gladiador com uma mão na frente e outra atrás, devendo para os empregados, e, para Maxwell Lord, que estava louco para colocar as mãos no pescoço da dupla.

Cueicueicuei vive!

O que está ruim, sempre pode piorar, lembre-se sempre disso!

Enquanto Besouro e Gladiador choravam pela sua recém-descoberta falência, Aquaman faz uma visita à ilha para avisar a todos que foi uma péssima ideia construir um Cassino em Cueicueicuei.

Isso porque a Ilha era um ser vivo, que de tempos em tempos simplesmente se desprendia e “navegava” para outro lugar.

Ao construírem o Cassino, eles acordaram Cueicueicuei, e a Ilha decidiu que já era hora de passear, provocando tremores que destruíram por completo o recém-construído cassino.

A Liga da Justiça de Giffen e DeMatteis lembrava um episódio de Seinfeld.

A história envolvendo o cassino e Cueicueicuei é um excelente exemplo do que as mentes de Giffen e DeMatteis eram capazes de conceber.

Até rolava um confronto com um grande vilão vez ou outra, mas o forte da Liga que contava com Besouro, Gladiador, Guy Gardner e companhia, era justamente o humor e as histórias sobre o cotidiano, que muitas vezes pareciam se espelhar em um episódio de Seinfeld, falando o tempo todo sobre nada.

Se você ficou interessado, essa história foi publicada recentemente pela Panini no volume 8 de “Lendas do Universo DC – Liga da Justiça”.

Fernando Fontana

Fernando Fontana é escritor e adulto amador, criador do Site Super Ninguém e colaborador do Canal Metalinguagem, onde escreve sobre filmes e quadrinhos antigos.Tá sabendo da novidade? Somos parceiros da Amazon. Vai comprar na Amazon? Utilize o código: canalmetali06-20! e dê uma força para o canal.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo