Quer mais este assunto nerd? Nos visite diariamente.

Não Assistimos: Bill & Ted: Encare a Música

Keanu Reeves e Alex Winter salvam o mundo de si mesmos.

As definições de música que unirá todas as nações foram atualizadas.

Bill & Ted: Encare a música é um filme sore crescimento, sobre pessoas que tinham todo um futuro especial que ficou pelo caminho. É um filme sobre dois perdedores que deram muita sorte.

Em Bill & Ted – Uma Aventura Fantástica (1989) Ruffus (George Carlin) revelou que os jovens Bill S. Preston (Alex Winter) e Ted Logan (Keanu Reeves) estavam destinados a criar a música que a todos uniria. No decorrer da história, eles acabam formando Os Garanhões Selvagens, banda que conta não só com celeridades do passado, como a própria Morte, que se une aos dois no filme seguinte. A banda ainda conta com a presença das princesas Joanna (Diane Franklin) e Elizabeth (Kimberley LaBelle), que em Encare a música, descobrimos que se casaram com ele pouco tempo após o segundo filme. Entretanto, as atrizes foram trocadas. Joana é interpretada por Jayma Mays e Elisabeth por Erinn Hayes.

Eles podem até não ter conseguido a música prometida, mas tem um casamento estável e duas filhas que os idolatram, o que pode ser uma bela compensação. O ponto é: Se você estiver destinado a fazer algo, fará do jeito fácil ou do difícil, mas cruzará com o inevitável em algum momento.

No filme, além de encarar a música, que além de unir o mundo também manterá a realidade intacta, os dois amigos precisarão fazer a única coisa que não haviam feito até então: a maturidade. Os dois gastaram tanto tempo perseguindo seu sonho que sequer se conectam mais com a realidade. Suas vidas seguiram e eles tiveram filhas com suas princesas. Billy (Brigette Lundy-Paine) e Thea (Samara Weaving), em parte, são a cópia exata de seus pais. Brigette Lundy-Paine) beira a caricatura de tanto que ela tenta emular o jovem Keanu Reeves. O curioso é que quando ela é introduzida, meio que parece ter uma identidade própria, mas ao longo do filme, a atriz vai forçando cada vez mais os trejeitos de Reeves, o que irrita um pouco, até porque meio que atropela o próprio Reeves, cujo personagem não evoluiu, só envelheceu.

Samara, por outro lado, não sofre desse mal, até porque Alex Winter nunca foi tão exagerado e ao copiá-lo, ela só parece uma adolescente meio tapada. O ponto é que as duas têm atitude e decidem pegar a máquina do tempo de Katy (Kristen Schaal), a filha do Ruffus para formar uma banda para ajudar seus pais a realizar sua missão quase impossível.

Sim, o que uma geração bagunçou a outra meio que vai tentando acertar.

No futuro, A grande líder (Holland Taylor) revela que Bill&Ted tem apenas sete horas pra criar a música que unirá o mundo e salvará a realidade. O que ela não revela é que como muitos acreditam que a morte deles resolverá o prolema, ela enviou um robô assassino chamado Dennis Caleb McCoy (Anthony Carrigan), que ao longo do filme, vai mostrando que nem é tão vilão assim.

As definições de futuro foram atualizadas. Dá pra sentir uma forte influência do design da Apple e de conceitos do Elon Musk no design dos cenários e do maquinário. A nova cabine telefônica até lembra a Eva de Wall-E.

A partir dai, vemos as meninas seguindo em busca da banda perfeita enquanto seus pais gastam tempo encontrando consigo mesmos várias vezes, porque tiveram a ideia genial de roubar a tal música anos após ter sido tocada. Bem Bill e Ted, né?

Dois pontos que merecem ser destacados: rever em CGI, o que era feito com efeitos práticos é incrível. Muitos efeitos talvez não funcionassem na época do primeiro filme. A presença do Rapper Kid Cudi é um brinde a parte, uma vez que ele funciona como a base teórica de uma franquia que até então, nunca havia se preocupado em dar um tom científico às aventuras dos personagens. A interação dos personagens com o novo elemento gera cenas divertidas.

Esse filme é necessário? Nem um pouco, mas diverte bastaste e foi uma das raras vezes em que Keanu Reeves deu um descanso para aquele terno preto. Já estava ficando cansativo.

Infelizmente, só os americanos tiveram a chance de ver, os cinemas Brasileiros ainda estão fechados, sabe-se lá quando reabrirão.

em breve / 1h 18min / Comédia, Aventura, Ficção científica, Musical
Direção: Dean Parisot
Elenco:

Nacionalidade EUA
 produtora(s)Orion Pictures
Hammerstone Studios
Dial 9
Dugan Entertainment
TinRes Entertainment

SINOPSE E DETALHES

Bill & Ted: Encare A Música acompanha Ted (Keanu Reeves) e Bill (Alex Winter) que atingiram a meia idade, fazendo com que suas preocupações voltaram-se para as suas famílias e outras responsabilidades da vida adulta. Depois de anos lidando com a frustração de ainda não terem escrito a melhor música de todos os tempos, eles recebem a visita de um homem do futuro e descobrem que apenas uma música criada por eles pode salvar o mundo.
você pode gostar também