Não Assistimos

Dente por Dente (2021)

Quem disse que o Brasil não produz bons suspenses?

Dente por Dente é um bom exemplo. Na coprodução da
Globo Filmes e da Vitrine Filmes, Ademar (Juliano Cazarré) é o sócio de uma empresa de segurança que descobre que Teixeira, o outro sócio da empresa, se envolveu num estranho crime que passou a assombrar a todos os envolvidos e ele decide investigar o que realmente aconteceu.

Com menos recursos que seus irmãos Hollywoodianos, o filme, que conta com Paola Oliveira e Renata Sorrah em seu elenco, começa a brincar com o tipo de esqueleto que os poderosos mantém em seus armários e nos lembra que as vezes, alguns deles podem retornar.

Num primeiro momento, você imagina que o suposto vilão do filme é uma entidade, mas conforme vamos descobrindo mais sobre a trama, entendemos que a única parte fora da realidade são os sonhos de Ademar, que sonha com situações misteriosas que sempre terminam com a imagem de dentes arrancados.

O roteiro de Arthur Warren e a direção de Júlio Taubkin e de Pedro Arantes conseguem construir uma atmosfera densa onde ninguém realmente é o que parece, o que funciona muito dentro do universo da trama que pretendem contar.

Não espere muitas firulas, a história é bem seca e direto ao ponto. Eles não gastam muito tempo mostrando mais do que precisamos saber. Descobrimos quem são os personagens, vemos a forma como eles funcionam dentro da narrativa e conhecemos seus destinos finais.

Isso é ruim? É claro que não. O filme merece uma nota 8, o que deixa bem claro que vale a pena assistir nos cinemas.

28 de janeiro de 2021 / 1h 25min / Suspense

Descrição

O suspense “Dente Por Dente” gira em torno de Ademar (Juliano Cazarré), sócio de uma empresa de segurança particular que presta serviço para uma grande construtora de São Paulo. Quando seu sócio Teixeira (Paulo Tiefenthaler) desaparece, Ademar começa uma investigação e, junto com Joana (Paolla Oliveira), mulher de Teixeira, percebe que o amigo estava envolvido em um esquema criminoso. A incansável busca de Ademar pela verdade é marcada por sonhos premonitórios assustadores.

Data de lançamento: 28 de janeiro de 2021 (Brasil)

Diretores: Pedro Arantes, Júlio Taubkin

Elenco: Juliano Cazarré, Paolla Oliveira, Paulo Tiefenthaler

Alexandre D´Assumpção

Segundo o Guia do Mochileiro das Galáxias, Alexandre D’assumpção, ou The Sumpa, é praticamente inofensivo. Apesar de todas as lendas a seu respeito, ele é apenas um professor Nerd, redator, roteirista de quadrinhos e audiovisual que nos anos 80 pediu carona para uma cabine azul e desde então, tem vivido suas aventuras através do espaço/tempo. Para facilitar a viagem, tornou-se mestre Zen na arte de ter um rosto tão comum que todos sempre o cumprimentam imaginando se tratar de outra pessoa; normalmente ele mesmo. Dono de uma péssima memória, ele nunca se lembra de detalhes importantes como rostos, grupos que passou nem dos inimigos que ameaçam sua vida, o que é péssimo quando ele os encontra em becos escuros. Sua toalha é customizada e ostenta a máscara da Iniciativa Gambate, empresa criada por ele para levar a cultura Pop a todos aqueles que dela precisarem, estejam onde estiverem. De tempos em tempos ele reverte a polaridade de sua chave de fenda sônica e leva algum compannion para passeios transmídia, seja em eventos, festivais ou programas de TV. No caso de um avistamento, principalmente se The Sumpa for a personalidade dominante, espere o inesperado e corra para sobreviver.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo